Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Novembro 2022

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Google

Comentários recentes

  • Anónimo

    Bom dia, gostaria que atualizassem os dados deste ...

  • Botas de Mulher

    Informação sem dúvida muito útil apar quem pretend...

  • Anónimo

    Boa tardeGostaria de saber qual o horario do barco...

  • Tempo no Algarve

    Olá. Até meados de Outubro serão publicados os mes...

  • Anónimo

    Gostaria de ver os dados relacionados com a temper...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

03
Nov22

3939: CHOOSE GUADIANA, muito mais que um rio…

Tempo no Algarve

Numa estreia síncrona entre a Odiana e os Municípios do Baixo Guadiana, o vídeo CHOOSE GUADIANA já está disponível para deslumbrar residentes e visitantes. Uma ferramenta única que alia o cariz promocional ao comercial, tendo como pano de fundo a paisagem e o património, mas sobretudo focado nas empresas do território.

 

Depois de muitos planos, filmagens e edições, eis que está concluído o vídeo: CHOOSE GUADIANA. Um filme com uma missão distinta, não apenas a de apresentar as maravilhas naturais serpenteadas pelo rio e mar no Baixo Guadiana, mas com a missão de destacar os serviços que garantem a oferta no território. Aqui as empresas são as protagonistas, aquelas que dinamizam a economia local e que transformam o potencial em oferta.

 

Trata-se, portanto, de um vídeo de cariz promocional do segmento empresarial, que reflete a importância do cluster rio/mar no território, nomeadamente nos concelhos de Alcoutim, Castro Marim e Vila Real de Santo António. A meta final é promover os recursos e a oferta do tecido empresarial, de forma a potenciar negócios, captar investimento e angariar mais clientes. O elo de ligação é o Rio Guadiana e o Mar enquanto motor local, via comunicante com a Europa e com o mundo.

 

Esta ferramenta multimédia realça o setor do rio/mar, desde as marítimo turísticas, às atividades desportivas, transferes, porto de recreio, docas, reparação e construção naval, pesca desportiva e artesanal, lota, e o sal, entre os demais. A panóplia de ofertas dá mote ao slogan do projeto: «CHOOSE GUADIANA, muito mais que um rio…».

 

O vídeo dispõe de um teaser (versão curta) e de três versões (3minutos) com legendagem em três idiomas: português, inglês e espanhol. O objetivo é ser distribuído nacional e internacionalmente nos mais variados canais de comunicação, certames especializados e eventos setoriais.  

 

O filme está disponível desde hoje, 31 de outubro, nas várias plataformas e redes sociais da ODIANA, numa estreia síncrona entre a ODIANA, MUNICÍPIO DE ALCOUTIM, MUNICÍPIO DE CASTRO MARIM E MUNICÍPIO DE VRSA.

Este vídeo é uma produção da empresa A PEQUENA TULIPA, numa ação promovida pela Associação Odiana e integrada no projeto CHOOSE GUADIANA, apresentado ao Aviso ALG-53-2018-22 e financiado pelo Programa Operacional CRESC ALGARVE 2020 (SIAC Qualificação).

 

Tease | CHOOSE GUADIANA um rio que nos une

 

 

VIDEO CHOOSE GUADIANA em português:

 

 

VIDEO CHOOSE GUADIANA em espanhol:

 

 

VIDEO CHOOSE GUADIANA em English:

 

 

Fonte. CM Alcoutim

29
Set22

3915: Um morto em naufrágio de barco de pesca na praia da Salema em Vila do Bispo

Tempo no Algarve

Uma embarcação de pesca local, com seis tripulantes a bordo, naufragou esta madrugada a cerca de três quilómetros da praia da Salema, no concelho de Vila do Bispo, estando por apurar as causas deste acidente.

 

Na sequência de um alerta recebido pelas 03h30, através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), a informar que uma embarcação tinha naufragado a sul da praia da Salema, com seis tripulantes a bordo, foram de imediato ativadas para o local uma embarcação da Estação de Salva-vidas de Sagres e uma embarcação do Comando-local da Polícia Marítima de Lagos, bem como o navio NRP Cassiopeia, da Marinha Portuguesa, e uma equipa de mergulhadores dos Bombeiros Voluntários de Lagos. Para o local deslocaram-se também elementos dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo e uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do INEM.

 

À chegada ao local constatou-se que cinco dos pescadores conseguiram chegar a terra pelos seus próprios meios, tendo sido prontamente auxiliados por populares que se encontravam nas proximidades, até à chegada dos elementos do INEM e dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo que prestaram assistência diferenciada. Segundo o que foi possível apurar junto das vítimas, encontrava-se ainda um pescador a bordo da embarcação, tendo sido de imediato iniciadas buscas pelo mesmo.

 

A vítima, um homem de 23 anos, foi encontrada no interior da embarcação, em estado inconsciente, pelos mergulhadores dos Bombeiros Voluntários de Lagos, tendo sido resgatado e transportado pelos tripulantes da Estação Salva-vidas de Sagres para a praia, onde foram continuadas as manobras de reanimação pelos elementos do INEM, com recurso a um Desfibrilhador Automático Externo (DAE).

 

Após várias tentativas, não foi possível reverter a situação, tendo o óbito sido declarado no local pelo médico do INEM. Foi contactado o Ministério Público, tendo o corpo sido posteriormente transportado pelos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo para o Instituto de Medicina Legal de Portimão.

 

O Gabinete de Psicologia da Polícia Marítima foi ativado e encontra-se a prestar apoio aos familiares da vítima.

 

A embarcação naufragada encontra-se a flutuar junto à praia, tendo sido efetuado um aviso à navegação e notificado o armador para proceder ao plano de remoção da embarcação do local.

 

Esta ação foi coordenada pelo Capitão do Porto e Comandante-local da Polícia Marítima de Lagos, tendo o Comando-local da Polícia Marítima de Lagos tomado conta da ocorrência.

 

Fonte: AMN

13
Ago22

3879: Jovem de 17 anos morre em colisão entre duas embarcações na Ria Formosa

Tempo no Algarve

Uma jovem de 17 anos morreu na sequência de uma colisão entre duas embarcações na Ria Formosa, em Olhão.

 

Do acidente há a registar mais um ferido, uma jovem também com 17 anos.

 

A vítima mortal foi transportada para o hospital na noite desta sexta-feira mas não resistiu aos ferimentos.

 

O acidente ocorreu num dos canais de acesso à ilha da Culatra, pelas 23h00, e envolveu um táxi marítimo e uma embarcação de recreio particular.

 

A Polícia Marítima de Olhão está a investigar.

 

Fonte: CM

26
Jul22

3865: Apreensão de alfarroba furtada no Algarve duplica face ao ano passado

Tempo no Algarve

O número de apreensões de alfarroba furtada no Algarve duplicou face ao ano passado, tendo sido apreendidas na região, desde janeiro, cerca de oito toneladas daquele fruto, indicam dados da GNR revelados à Lusa.

 

O valor comercial deste fruto -uma alfarroba (15 quilos) ultrapassa os 40 euros, quando há quatro anos era 5 euros -, faz com que seja o principal alvo de furtos em propriedades agrícolas da região, tendo sido já registadas várias apreensões, apesar de a apanha decorrer, habitualmente, até setembro.

 

Segundo dados do comando territorial de Faro da GNR, entre 01 de janeiro e 21 de julho, registaram-se no Algarve um total de 16 apreensões de alfarroba -- o dobro face ao mesmo período de 2021 -, tendo sido detidas cinco pessoas e identificadas 39. No mesmo período do ano passado não houve detenções e tinham sido identificadas apenas seis pessoas.

 

Também nesse período, em 2021, a GNR tinha registado 20 denúncias por furto de alfarroba, número que aumentou, este ano, para 73.

 

No entanto, no ano passado, por esta altura, a quantidade de alfarroba apreendida (12 toneladas) ultrapassou a quantidade apreendida este ano (oito).

 

De acordo com aquela polícia, o aumento do número de denúncias pode estar relacionado "com o facto de o fruto ter amadurecido mais cedo, assim como para a existência de uma maior sensibilização para a denúncia deste tipo de crime, motivada também pelo aumento do preço do produto".

 

A mais recente situação ocorreu na sexta-feira e no sábado passados, quando a GNR deteve em flagrante duas pessoas e identificou outras três por furto de alfarroba, em Silves, que tinham na sua posse 340 quilos de alfarroba furtada, em sacas.

 

Os frequentes furtos de alfarroba, tanto dos pomares, como de armazéns, estão a deixar os produtores revoltados, tendo sido convocada uma manifestação para sexta-feira, em Loulé -- onde se concentra a maior extensão desta cultura de sequeiro -, para exigir a promulgação de uma lei contra o seu furtos e tráfico.

 

Os produtores acreditam que a legislação proposta por um grupo de trabalho, que integrou também entidades públicas, daria maior segurança ao setor, com a regulação da compra e venda, através da obrigação de registo no Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas (IFAP).

 

À Lusa, a GNR garantiu estar "particularmente atenta a este fenómeno criminal", procurando "dissuadir e reprimir o furto deste fruto", através da intensificação do patrulhamento junto a explorações agrícolas e vias de acesso aos estabelecimentos de comercialização de alfarroba ou armazenistas.

 

De acordo com aquela força policial, o 'modus operandi' utilizado no furto de alfarroba durante a época da apanha, que se estende de junho a setembro, "envolve, por regra, o furto no terreno agrícola" e só após o final da época se registam situações de furto nos locais onde é armazenado.

 

A semente do fruto da alfarrobeira é utilizada em várias indústrias, como a farmacêutica, a cosmética ou a alimentar - como aditivo para pudins, papas de bebé e estabilizantes de gelados -, e também para a indústria têxtil.

 

A polpa da alfarroba, que representa 90% do peso do fruto, é aproveitada para doçaria variada, como bolachas e bolos, licores, xarope, pão e alimentação para animais.

 

Fonte: CM

20
Abr22

3818: Olhão: Fogo em estaleiro naval dominado com uma pessoa assistida no local

Tempo no Algarve
O incêndio que deflagrou ao início da tarde num estaleiro naval em Olhão, consumiu 6 veleiros, confirmou ao Algarve Primeiro, fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro - CDOS.



O alerta foi dado às 13h10.


No teatro de operações estão dezenas de operacionais, das corporações de Olhão, Tavira, Faro, São Brás de Alportel, Albufeira e Loulé. A Polícia Marítima tomou conta da ocorrência. 


Foram também ativadas ambulâncias do INEM por uma questão de prevenção. O CDOS disse ainda que um homem de 60 anos, de nacionalidade suíça e proprietário de um veleiro, precisou de ser assistido no local. 


Fonte: Algarve Primeiro

29
Out21

3711: Despiste de um jipe de safari causa um morto e cinco feridos graves em Alte (Loulé)

Tempo no Algarve

Uma mulher de nacionalidade francesa morreu, esta sexta-feira, após o despiste de um jipe na serra algarvia, em Alte, que causou ainda cinco feridos graves, três dos quais crianças, e dois feridos ligeiros, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.

 

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro, a vítima mortal do despiste do jipe de uma empresa turística que fazia um safari na serra algarvia tem "idade aparente de 30 anos, sexo feminino e nacionalidade francesa".

 

"Os feridos graves são todos de nacionalidade estrangeira", referiu a mesma fonte, indicando que entre eles estão uma rapariga de 15 anos de nacionalidade alemã, um rapaz de 15 anos de nacionalidade francesa e um menino de 10 anos de nacionalidade holandesa.

 

As outras duas vítimas que sofreram ferimentos graves são um homem de 41 anos de nacionalidade francesa e uma mulher de 46 anos de nacionalidade holandesa, precisou o CDOS de Faro.

 

Fonte: CM

16
Abr21

3622: Um morto e três feridos em acidente com barco em Faro

Tempo no Algarve

Uma embarcação com quatro tripulantes embateu contra bóia de sinalização ao largo do cais comercial de Faro, na Ria Formosa. O acidente provovou três feridos e uma vítima mortal, um homem de 54 anos. 

 

Ao que o Correio da Manhã apurou, dois dos quatro tripulantes foram projetados do barco resultado na morte de um deles. O corpo foi retirado de imediato, mas já sem vida. 

 

A vítima foi transportada para o Instituto de Medicina Legal em Faro.

 

O alerta foi dado às 9h30.

 

Fonte: CM

10
Nov20

3534: EDP julgada por causar fogo que durou sete dias no Algarve

Tempo no Algarve

A empresa EDP Distribuição e um gestor operacional, responsável pela manutenção de redes elétricas, foram acusados pelo Ministério Público de Faro do crime de incêndio florestal negligente, na forma agravada. O código penal prevê uma pena de prisão de 2 a 10 anos.

 

Os arguidos foram considerados responsáveis pelo fogo de Monchique, deflagrado a 3 de agosto de 2018, e que durante sete dias destruiu quase 27 mil hectares de floresta, ferindo 41 pessoas e destruindo 110 casas. Além do processo-crime, o Ministério Público deduziu, em nome do Estado, um pedido de indemnização de 1,882 milhões de euros, calculada com base nos custos em meios aéreos, viaturas, equipamentos, combustível, e alimentação para bombeiros.

 

Segundo a acusação, a que o CM teve acesso, o fogo começou numa linha de média tensão, em Perna Seca, Monchique, após a copa de um eucalipto ali ter tocado. Lopes Guerreiro representa dois moradores que são assistentes. "Os meus clientes perderam habitações, largos hectares de floresta, animais, etc. Passaram por grande angústia, e vão deduzir pedidos de indemnização", concluiu.

 

Fonte: CM

21
Out20

3518: Derrocada de imóvel devoluto em Silves deixa cinco pessoas desalojadas

Tempo no Algarve

Contactada pela Lusa, a fonte do Gabinete de Comunicação do município especificou que as cinco pessoas pertencem a duas famílias e que a derrocada do imóvel de dois andares, devoluto há vários anos, ocorreu ao início da manhã.

 

Segundo a fonte, uma pessoa que se encontrava na sala de uma das duas casas afetadas sofreu ferimentos ligeiros, tendo sido encaminhada para o hospital de Portimão.

 

A derrocada atingiu também um veículo que se encontrava estacionado nas imediações do imóvel, no centro histórico da cidade de Silves, no distrito de Faro.

 

A mesma fonte adiantou que os desalojados “foram realojados temporariamente em casa de familiares”, estando os serviços municipais de Proteção Civil a proceder à peritagem dos imóveis atingidos e à [avaliação da] dimensão dos danos”.

 

“As pessoas foram acolhidas temporariamente em casa de familiares, estando a autarquia a acompanhar a situação e a prestar o apoio necessário”, adiantou.

 

De acordo com fonte do Centro Distrital de Proteção Civil (CDOS) de Faro, a derrocada “poderá ter sido originada pela chuva e vento que afetaram a região na terça-feira”.

 

Nas operações de socorro estiveram envolvidos 11 operacionais dos bombeiros de Silves, da Proteção Civil Municipal e da Guarda Nacional Republicana.

 

Fonte: Sapo 24

10
Set20

3486: Saída de Portugal do corredor britânico "é má notícia, mas aguardada" pelo Turismo Algarve

Tempo no Algarve

“Era uma decisão que era esperada, na medida de que na última semana o indicador de novos casos [de covid-19] por cem mil habitantes em Portugal superou o que tem sido o referencial do Reino Unido e que se agravou entre o período das duas revisões britânicas”, indicou à agência Lusa o presidente da Região de Turismo do Algarve, João Fernandes.

 

O Governo britânico retirou hoje Portugal da lista de países seguros, com exceção das regiões autónomas da Madeira e Açores, e a partir de sábado obriga os viajantes de Portugal a cumprirem uma quarentena de duas semanas ao chegar ao Reino Unido.

 

“Através de informação aperfeiçoada, agora temos a capacidade de avaliar ilhas separadas dos seus países continentais. Se chegar a Inglaterra vindo dos Açores ou Madeira, não precisará de se isolar por 14 dias”, escreveu o ministro dos Transportes, Grant Shapps, na rede social Twitter.

 

Para João Fernandes, a decisão britânica é “uma contrariedade muito grande para a procura externa do Algarve, dado que setembro é o mês de maior procura dos britânicos e que dita o início da época alta do golfe”.

 

“Temos vindo a trabalhar outros mercados como alternativa, mas o peso relativo do mercado britânico dificulta muito a capacidade de atenuar o impacto e as reduções de procura como certamente veremos nos próximos tempos a partir do Reino Unido”, sublinhou.

 

O responsável máximo do Turismo do Algarve vê, no entanto, um sinal positivo que pode vir a reverter a posição do Reino Unido, “nomeadamente a redefinição dos critérios do conselho científico, que estão na base para a avaliação, como o número de testes como o fator mais determinante”.

 

“Há aqui um sinal de esperança se houver uma redefinição do conjunto de critérios, porque temos visto que destinos que testam menos têm tido bonomia de avaliações que nem sempre traduzem a realidade dos territórios, tendo existido já uma discriminação positiva para os destinos insulares”, indicou.

 

Na opinião de João Fernandes, numa altura em que surgem testes mais baratos, rápidos e eficazes para a despistagem da covid-19, a discriminação positiva poderia estender-se a outras regiões, nomeadamente com “os passageiros a serem testados à partida e à chegada nos aeroportos, o que permitia desbloquear alguns impasses que são criados como medidas de fronteira” e que não penalizavam as regiões com menos casos.

 

“Temos a obrigação, sobretudo, enquanto país, de tentar controlar a evolução da pandemia para podermos beneficiar dos corredores aéreos e das ligações que, apesar de tudo, mantemos com o Reino Unido e da procura para esses voos, porque obviamente está não é uma boa notícia, embora fosse aguardada”, concluiu.

 

Fonte: Sapo 24

Calendário

Novembro 2022

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Google

Comentários recentes

  • Anónimo

    Bom dia, gostaria que atualizassem os dados deste ...

  • Botas de Mulher

    Informação sem dúvida muito útil apar quem pretend...

  • Anónimo

    Boa tardeGostaria de saber qual o horario do barco...

  • Tempo no Algarve

    Olá. Até meados de Outubro serão publicados os mes...

  • Anónimo

    Gostaria de ver os dados relacionados com a temper...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search