Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Março 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Google

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

17
Mar18

2973: Hora do Planeta em Olhão

Tempo no Algarve

O Município de Olhão associa-se, mais uma vez vez, à iniciativa da WWF (World Wildlife Fund) “A Hora do Planeta”, e no sábado, dia 24 de março, entre as 20h30 e as 21h30, as luzes de vários edifícios municipais, como os Paços do Concelho, a Biblioteca Municipal José Mariano Gago e as Piscinas Municipais estarão desligadas.

 

Na véspera, dia 23, as crianças da Escola EB1 Nº1 Largo da Feira associam-se à iniciativa, e promovem um desfile para alertar e incentivar a população a aderir mais uma vez, à ação da WWF.

Este “cortejo pelo ambiente” sai do estabelecimento de ensino às 10h00, passando pela Avenida da República e pelos Paços do Concelho, onde as crianças serão recebidas pelo presidente da Câmara, António Miguel Pina. O percurso prevê, ainda, passagens pelos Mercados Municipais e pelo Jardim Pescador Olhanense.

Para que a “Hora do Planeta” tenha um impacto ainda mais expressivo, a Câmara de Olhão convida todos os munícipes e empresas a aderirem à iniciativa, desligando as luzes durante uma hora, entre as 20h30 e as 21h30, no dia 24 de março.

 

Desta forma, o Município pretende criar uma noite temática, com o propósito de consciencializar a população para a necessidade de todos adotarem práticas de defesa do ambiente, tendo como pano de fundo a iniciativa da WWF que tem lugar em mais de 180 países, num momento global de solidariedade pelo planeta, e que pode ser conhecida em http://www.wwf.pt/.

 

Fonte: CM Olhão

16
Mar18

2972: Aviso Laranja no Algarve

Tempo no Algarve

Faro

Última actualização da informação:

Sexta-feira, 16 de Março de 2018

 
Agitação Marítima

Laranja

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-17 17:59:59
até: 2018-03-18 05:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: ondas de noroeste com 5 a 5,5 metros. Na costa sul: ondas de sudoeste com 4 a 5 metros.

 
Vento

Amarelo

Vento

Para o período de: 2018-03-17 05:59:59
até: 2018-03-18 03:59:59

Rajada Máxima do Vento

Vento de oeste, temporariamente sudoeste, com rajadas ate 90 km/h.

 
Precipitação

Amarelo

Precipitação

Para o período de: 2018-03-17 07:59:59
até: 2018-03-17 20:59:59

Chuva/Aguaceiros

Chuva, por vezes forte.

 
Agitação Marítima

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-18 05:59:59
até: 2018-03-18 11:59:59

Altura Significativa das Ondas

Ondas de noroeste com 4 a 5 metros na costa ocidental.

 
Agitação Marítima

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-17 02:59:59
até: 2018-03-17 17:59:59

Altura Significativa das Ondas

Ondas de noroeste com 4 a 5 metros na costa ocidental.

 

Fonte: IPMA

15
Mar18

2971: Situação nas Albufeiras no Algarve

Tempo no Algarve

Dados referentes a 28 de Fevereiro de 2018

 

Nome

Volume

armazenado (dam3)

Percentagem

(%)

Diferença em relação

ao mês anterior

Albufeira do Arade 8754 30.83 -0.10%
Albufeira do Beliche 26273 54.74 -2.07%
Albufeira da Bravura 16795 48.23 -1.22%
Albufeira do Funcho 30400 63.70 +0.20%
Albufeira de Odeleite 81132 62.41 -2.15%
Albufeira de Odelouca 50256 32.02 -1.12%

 

Fonte: SNIRH

13
Mar18

2970: Aviso Amarelo no Algarve

Tempo no Algarve

Faro

Última actualização da informação:

Terça-feira, 13 de Março de 2018

 
Vento

Amarelo

Vento

Para o período de: 2018-03-14 11:59:59
até: 2018-03-14 17:59:59

Rajada Máxima do Vento

Rajadas ate 90 km/h. Nas TERRAS ALTAS: Rajadas ate 100 km/h.

 
Agitação Marítima

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-14 14:59:59
até: 2018-03-16 17:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na COSTA OCIDENTAL: Ondas de oeste com 4 a 5 metros, passando gradualmente a ondas de noroeste.

 

Fonte: IPMA

12
Mar18

2969: Previsão meteorológica para a semana de 12 de Março a 18 de Março de 2018

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

 

Dia 12 (2ªfeira) - Céu nublado. Vento fraco a moderado de oeste, rodando para sul tornando-se moderado a forte. Períodos de chuva fraca a partir da tarde, aumentando de intensidade ao longo da tarde.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 8ºC - 12ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 a 3 metros, diminuindo gradualmente para 1 a 2 metros.  Temperatura da água do mar: 15ºC.

 

Dia 13 (3ªfeira) - Céu nublado diminuindo de nebulosidade para a tarde. Vento fraco a moderado de oeste rodando para sul ao final da tarde. Aguaceiros até ao início da manhã. Pequena subida da temperatura máxima.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 8ºC - 12ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 metros. Temperatura da água do mar: 15ºC.

 

Dia 14 (4ªfeira) - Céu nublado. Vento moderadoa forte de sudoeste com rajadas até 80 km/h. Períodos de chuva, que podem ser fortes, a partir da tarde. Condições favoráveis à ocorrência de trovoadas. Pequena descida da temperatura máxima.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 10ºC - 14ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 metros aumentando para 2 a 3 metros. .

 

Dia 15 (5ª feira) - Céu nublado com abertas. Vento moderado de oeste. Aguaceiros fracos.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 7ºC - 121C

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 3 a 4 metros.

 

Dia 16 (6ª feira) - Céu nublado. Vento moderado de oeste. Aguaceiros. Pequena descida da temperatura mínima.

 

Máximas: 13ºC - 17ºC

mínimas: 4ºC - 8ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 a 3 metros.

 

Dia 17 (Sábado) - Céu nublado. Vento moderado de noroeste.

 

Máximas: 14ºC - 18ºC

mínimas: 4ºC - 8ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 2 metros.


Dia 18 (Domingo) - Céu nublado. Vento moderado de sul. Períodos de chuva.

 

Máximas: 14ºC - 18ºC

mínimas: 5ºC - 9ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 2 metros.

 

Precipitação prevista para esta semana: 25 mm a 90 mm

11
Mar18

2968: Danos causados pelo mau tempo ascendem a 7 milhões de euros no concelho de Faro

Tempo no Algarve

Os danos causados pelo mau tempo no concelho de Faro, ao longo das últimas semanas, ascendem a mais de 7 milhões de euros, revelou hoje a autarquia, que agradeceu a presença do Presidente da República.

 

“Entre litoral, estruturas de empresas, habitações, explorações agrícolas e espaço público urbano, os danos ascendem a mais de 7 milhões de euros – trata-se do maior prejuízo causado por fenómenos climatéricos na história contemporânea do concelho”, salienta o executivo liderado por Rogério Bacalhau, em comunicado.

 

Marcelo Rebelo de Sousa constatou “esse índice de destruição” na visita que efetuou ao concelho farense no sábado, onde esteve na praia de Faro, no pavilhão da Penha, no acampamento do Cerro do Bruxo e numa exploração agrícola afetada.

 

O município de Faro fez, em comunicado, um “público agradecimento” ao chefe de Estado, vendo na sua presença “a expressão da mais alta solidariedade que o povo português devota aos farenses e a toda a região” e também “uma motivação extraordinária” para unir esforços e iniciar as tarefas de reconstrução do que o temporal derrubou.

 

O executivo lembra ainda os elogios de Marcelo à forma como a autarquia e a rede social do concelho montaram “em tempo recorde” uma operação de emergência para albergar e alimentar cerca de 150 elementos da comunidade do Cerro do Bruxo, 52 dos quais crianças, afetados pelo tornado de 4 de março.

 

A Câmara Municipal de Faro fez também eco das palavras de Marcelo, que “demonstrou a sua confiança na atenção e na disponibilidade do governo a todas estas questões”.

 

“Uma solidariedade que tem que se fazer através de medidas de emergência e da dotação de verbas e programas específicos para acudir a quem se encontra vulnerável”, acrescenta o executivo liderado por Rogério Bacalhau.

 

O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, e a secretária de Estado da Habitação, Ana Pinho, estarão amanhã, segunda-feira, na capital algarvia, esperando a autarquia que tragam “soluções adequadas para os problemas existentes”.

 

Em causa estão os danos no litoral, em particular nas zonas onde a sustentação das dunas já periga e determina “um carregamento urgente do areal para protecção de pessoas e bens” e, igualmente, para estabelecimento de um programa de financiamento de habitação social “adequado às necessidades do concelho, há muito reivindicadas pelos farenses e em tempo oportuno comunicadas à tutela”.

 

Fonte: Região Sul

11
Mar18

2967: Autoridade Marítima alerta para o aparecimento de caravelas-portuguesas na zona do Sotavento Algarvio

Tempo no Algarve

Durante o dia de hoje, 10 março, várias caravelas-portuguesas (uma espécie aquática parecida com a alforreca) surgiram nas praias do Sotavento Algarvio, com maior expressão entre Montegordo e a Manta Rota.

 

A Autoridade Marítima local alerta para em caso de ser avistada evitar o contacto com este organismo.

A caravela-portuguesa tem o nome científico de “Physalia physalis” e vive na superfície do mar graças ao seu flutuador cilíndrico, azul-arroxeado, cheio de gás. Os seus tentáculos podem atingir 30 metros e o seu veneno é muito perigoso.

Caso aviste este tipo de animal deve afastar-se, evitando o contacto. 

Os sintomas da picada são dor forte e sensação de queimadura (calor/ardor) no local e ainda irritação, vermelhidão, inchaço e comichão. Algumas pessoas, especialmente sensíveis às picadas e venenos das águas-vivas, podem ter reações alérgicas graves, como falta de ar, palpitações, cãibras, náuseas, vómitos, febre, desmaios, convulsões, arritmias cardíacas e problemas respiratórios. Nestes casos devem ser encaminhadas de imediato para o serviço de urgência.

No caso de haver contacto com caravela-portuguesa, deverá proceder da seguinte forma:​

- Não esfregar ou coçar a zona atingida para não espalhar o veneno;

- Não usar água doce, álcool ou amónia;

- Não colocar ligaduras;

- Lavar com cuidado com soro fisiológico;

- Retirar com cuidado os tentáculos da água viva (caso tenham ficados agarrados à pele) utilizando luvas, uma pinça de plástico e soro fisiológico;

- Aplicar vinagre no local atingido;

- Aplicar bandas quentes ou água quente para aliviar a dor;

- Consultar assistência médica o mais rapidamente possível.

 

No caso de haver contacto com águas-vivas, também conhecidas como medusas ou alforrecas, deverá ter em conta os seguintes conselhos para prestar os primeiros socorros:

- Não esfregar ou coçar a zona atingida para não espalhar o veneno;

- Não usar água doce, álcool ou amónia;

- Não colocar ligaduras;

- Lavar com cuidado com soro fisiológico;

- Retirar com cuidado os tentáculos da água viva (caso tenham ficados agarrados à pele) utilizando luvas, uma pinça de plástico e soro fisiológico;

- Aplicar frio (bolsas de gelo) no local atingido para aliviar a dor (o gelo não pode ser aplicado diretamente na pele, deve ser enrolado num pano);

- Tomar um analgésico para aliviar a dor;

- Aplicar uma camada fina de pomada própria para queimaduras.

 

A Autoridade Marítima reforça a importância das pessoas adotarem um comportamento de segurança junto à orla costeira devido ao agravamento do estado do mar, evitando colocar-se situações de risco.

 

 

Fonte: Autoridade Marítima

10
Mar18

2966: Aviso Vermelho no Algarve

Tempo no Algarve

Faro

Última actualização da informação:

Sábado, 10 de Março de 2018

 
Agitação Marítima

Vermelho

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-11 02:59:59
até: 2018-03-11 14:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de sudoeste com 7 a 8 metros, podendo atingir 14 metros de altura maxima, passado gradualmente a ondas de noroeste. Na costa sul ondas de sudoeste com 4 a 5 metros no Barlavento.

 
Agitação Marítima

Laranja

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-11 14:59:59
até: 2018-03-12 08:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de noroeste com 5 a 7 metros, podendo atingir 12 metros de altura maxima.

 
Agitação Marítima

Laranja

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-10 17:59:59
até: 2018-03-11 02:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de sudoeste com 5 a 7 metros, podendo atingir 12 metros de altura maxima. Na costa sul ondas de sudoeste com 4 a 5 metros no Barlavento.

 
Vento

Amarelo

Vento

Para o período de: 2018-03-10 17:19:00
até: 2018-03-11 20:59:59

Rajada Máxima do Vento

Rajadas ate 85 km/h, em especial no litoral.

 
Precipitação

Amarelo

Precipitação

Para o período de: 2018-03-10 17:19:00
até: 2018-03-10 23:59:59

Chuva/Aguaceiros

Aguaceiros, que podem ser por vezes fortes, de granizo e acompanhados de trovoada, em especial no barlavento.

 
Agitação Marítima

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-12 08:59:59
até: 2018-03-12 17:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de noroeste com 4 a 5 metros.

 

Fonte: IPMA

08
Mar18

2965: Aviso Laranja no Algarve

Tempo no Algarve

Faro

Última actualização da informação:

Quinta-feira, 8 de Março de 2018

 
Agitação Marítima

Laranja

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-10 17:59:59
até: 2018-03-11 14:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de sudoeste com 5 a 7 metros, podendo atingir 12 metros de altura maxima, passando gradualmente a ondas de noroeste.

 
Vento

Amarelo

Vento

Para o período de: 2018-03-09 11:59:59
até: 2018-03-09 23:59:59

Rajada Máxima do Vento

Rajadas ate 85 km/h, em especial no litoral.

 
Precipitação

Amarelo

Precipitação

Para o período de: 2018-03-09 02:59:59
até: 2018-03-10 05:59:59

Chuva/Aguaceiros

Periodos de chuva, por vezes forte e persistente, e acompanhada de trovoada.

 
Agitação Marítima

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2018-03-09 20:59:59
até: 2018-03-10 17:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental: Ondas de sudoeste com 4 a 5 metros.

 

Fonte: IPMA

07
Mar18

2964: Mau Tempo: Registadas 18 quedas de arribas no Algarve desde início de tempestade

Tempo no Algarve

A queda de uma arriba na praia dos Careanos, em Portimão, na terça-feira, foi o 18.º desmoronamento registado na costa do barlavento algarvio desde o início do mau tempo, revelou esta quarta-feira a Agência Portuguesa do Ambiente (APA).

 

A APA é a entidade pública responsável pela monitorização das arribas e falésias da costa do Algarve e explicou que esse é um trabalho de “rotina” que faz todo o ano, mas é “densificado” quando se verificam condições meteorológicas adversas ao nível da precipitação e da agitação marítima.

 

“Durante o período da referida tempestade, entre 28 de fevereiro e [terça-feira] 06 de março, foram já identificados 18 desmoronamentos das arribas, nos concelhos de Albufeira, Lagoa e Portimão. O desmoronamento de ontem [terça-feira] na praia dos Careanos corresponde ao 18.º e foi a derrocada de maiores dimensões associada a este evento, mobilizando volume de cerca de 200 metros cúbicos” de detritos, quantificou a APA num comunicado.

 

A mesma fonte anunciou que vai manter a “rotina de observação e registo” das arribas até maio, para definir antes do início da época balnear se é necessário intervir com máquinas para estabilizar zonas que apresentem risco elevado de desmoronamento.

 

Além das “intervenções tendentes a minorar o risco associado à geodinâmica das arribas” e “eventuais derrocadas controladas”, será também feito até ao início da época balnear “o reforço da sinalização” ou a “implantação de balizamento”.

 

A APA reiterou a necessidade de ter em conta que as arribas são “naturalmente instáveis” e as pessoas devem “evitar permanecer e/ou circular na sua base ou no topo, particularmente durante estes episódios” de mau tempo.

 

“Nos períodos de incidência de agitação marítima, de tempestade ou de forte precipitação, as campanhas de observação são densificadas, uma vez que os eventos de desmoronamento das arribas são frequentemente desencadeados durante esses episódios”, justificou.

 

O organismo público precisou que, como “autoridade de gestão costeira do Algarve, iniciou a observação e registo de desmoronamentos em 1995” e, “desde 2002, como rotina, anualmente são realizadas campanhas de observação por terra, mar (a bordo de embarcação com a Autoridade Marítima) e ar (a bordo de uma aeronave)”.

 

Na terça-feira, foi registada a última derrocada, quando uma arriba com cerca de 10 metros de altura se desmoronou na praia dos Careanos, em Portimão, no Algarve, sem registo de vítimas, disse na ocasião à agência Lusa o capitão do porto local.

 

“A ocorrência foi ouvida e testemunhada por pessoas que telefonaram para nós a dizer o que tinha acontecido, foi-nos logo reportado que não estaria lá ninguém, mas de qualquer dos modos fomos confirmar”, disse o capitão do porto de Portimão, frisando que ninguém foi atingido.

 

Já na segunda-feira, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) alertou a população para a possibilidade de derrocadas de arribas e costas rochosas, por a sua estabilidade poder ter sido afetada pelo mau tempo, estendendo o alerta a "toda a população do continente, Madeira e Açores, e em particular à costa sul algarvia".

 

A AMN pediu à população para se afastar das arribas e de zonas de costa rochosas afetadas, “evitar passeios tanto junto à base, como no topo destes locais" e "cumprir e respeitar a sinalização e as indicações das autoridades".

 

Fonte: Sapo 24

Calendário

Março 2018

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Google

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search