Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Junho 2014

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

reserva

Booking.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

  • Tempo no Algarve

    Pode clicar na localização no local de embarque e ...

  • Lucila

    Como chego de Tavira em 4-'aguas?

  • carlos silva

    Boa noite para o ano que vem vou passar ferias ao ...

  • alberto

    e os harários para setembro 2017?

  • CR

    Grandes treta as bolsas de estacionamento, são esp...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

20
Jun14

2105: Situação da apanha de bivalves no Algarve

Tempo no Algarve

Segundo o último comunicado divulgado hoje, dia 20 de Junho de 2014.

 

Segundo precisa o IPMA, a interdição temporária está relacionada "com a presença de fitoplâncton produtor de toxinas marinhas ou de níveis de toxinas acima dos valores regulamentares" ou estão reclassificadas temporariamente.

 

No litoral entre VRSA e Tavira (L9) está interdita a apanha de todos os bivalves, excepto amêijoa - branca.

No litoral de Lagos (L7a) está interdita a apanha de mexilhão.

 

Na Ria Formosa, Olhão (OLH3) está interdita a apanha de Berbigão e longueirão.

 

Na Ria Formosa, Olhão (OLH4) está interdita a apanha de Berbigão.

 

A interdição, decretada pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), deve-se à presença da toxina DSP que podem causar intoxicação diarreica refere aquele instituto em nota divulgada na sua página de Internet.

 

Fonte: IPMA

Booking.com
18
Jun14

2104: Bóia multiparamétrica do IH fundeada ao largo de Faro

Tempo no Algarve

No início da semana em curso, o empenhamento do navio hidro-oceanográfico NRP “D. Carlos I”, na região sul de Portugal, permitiu o fundeamento de uma boia multiparamétrica do Instituto Hidrográfico (IH), a cerca de 40 milhas náuticas ao largo de Faro.


Esta plataforma de observação, com transmissão de dados em tempo real, alberga um conjunto de sensores que medem a agitação marítima, o vento (e outros parâmetros meteorológicos), a temperatura da água e a corrente (a várias profundidades, desde os 7 m até um máximo de 100 m de profundidade).


Também se encontra equipada com um sensor de alerta para a presença de hidrocarbonetos à superfície do mar (resultantes por exemplo de um derrame) e com um correntómetro colocado aos 1200 m de profundidade (para deteção da veia de água mediterrânica).

 

A boia multiparamétrica agora fundeada passará a fazer parte da rede MONIZEE, o sistema integrado de monitorização em tempo real e de previsão operacional da ZEE Portuguesa, gerido pelo IH. Os seus dados serão disponibilizados no portal do IH em http://www.hidrografico.pt/boias-ondografo.php , a partir da próxima semana.

 

Fonte: Instituto Hidrográfico

Booking.com
16
Jun14

2103: Previsão meteorológica para a semana de 16 de Junho a 22 de Junho de 2014

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

 

Dia 16 (2ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento fraco a moderado de leste, tornando-se de sul. Pequena descida de temperatura.

 

Máximas: 26ºC - 30ºC

mínimas: 18ºC - 22ºC

 

Estado do mar: Ondas inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 20ºC.

 

Dia 17 (3ªfeira) - Céu nublado durante a manhã. Vento fraco de sul. Pequena descida de temperatura máxima.

 

Máximas: 23ºC - 27ºC

mínimas: 16ºC - 20ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 20ºC.

 

Dia 18 (4ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento fraco de sul.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 15ºC - 19ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 19 (5ª feira) - Céu pouco nublado temporariamente nublado. Vento fraco de sul. Pequena subida de temperaura.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 15ºC - 19ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 20 (6ª feira) - Céu pouco nublado temporariamente nublado. Vento fraco de sul.

 

Máximas: 25ºC - 29ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 21 (Sábado) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de sul.

 

Máximas: 23ºC - 27ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 22 (Domingo) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de sul.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

Booking.com
13
Jun14

2102: Incêndio em Monchique dominado

Tempo no Algarve
Data Hora Local Concelho Distrito Ponto Situação Tipo
13/6 15:04 Alferce Monchique Faro Dominado Inc. em Mato
13/6 16:09 Comandante das Operações de Socorro (COS): 2º Comandante do Corpo de Bombeiros de Monchique.
13/6 16:10 Incêndio ativo com uma frente.
13/6 16:11 Acionado Helicóptero Bombardeiro Pesado.
13/6 16:38 Incêndio Dominado
13/6 16:39 Presidente da Junta de Freguesia de Alferce no Posto de Comando Operacional (PCO).

 

No combate ao incêndio teve 59 homens, apoiados por 17 veículos e 2 meios aéreos.

 

Fonte: ANPC

 

 

 

Booking.com
13
Jun14

2101: Informação sobre a concentração de pólens no Algarve

Tempo no Algarve

Semana de 13 a 19 de Junho de 2014

 

No Algarve, os pólenes encontram-se em níveis muito elevados, com destaque para o pólen de gramíneas seguido pelos pólenes de oliveira, erva parietária, sobreiro e tanchagem.

 

Fonte: SPAIC

Booking.com
11
Jun14

2100: Festival MED 2014 em Loulé

Tempo no Algarve

A Câmara Municipal de Loulé, promotora daquele que é o maior evento de música da região algarvia, apresenta mais 23 bandas que, de 25 a 28 de junho, vão passar pela Zona Histórica de Loulé.

No Palco Matriz surgem agora mais dois nomes, DJ El Gadzé (Portugal) e Octa Push (Portugal), enquanto que estão também confirmados, no Palco Cerca, a Ala dos Namorados (Portugal) e, no Castelo, Ai! (Portugal) e Rarefolk (Espanha).

Segundo o próprio, “o DJ set de El Gadzé é servido como uma chávena de chá a ferver, que pode ser bastante excitante ou extremamente relaxante... Ou os dois ao mesmo tempo. Como um chá preto cortado com camomila ou vice-versa. Reggae/Dub, Gypsy/BalkanBeats, Breakz, Swing/Punk, Afrobeat/Latina, Hip Hop Fusion/Jive, Roots/Folk, Chill Out/Lounge, Ska/Funk e muitos Mashups. Mas melhor do que géneros definindo a música é a música, redefinindo os géneros”. O músico já partilhou o palco com grandes nomes da world music como The Skatalites (Jamaica/Estados Unidos), Mondo Cane (Itália) ou Thuvali Mitza (Dinamarca). Um espetáculo a não perder no dia 26, em Loulé.

No encerramento da 11ª edição do Festival MED, o Palco Matriz recebe uma das surpresas musicais do ano de 2014: os portugueses Octa Push. Do projeto criado em 2008 nasceu uma fusão de Bashment, Garage e Dubstep, incorporados noutros elementos como Afrobeat, Techno, 2-Step. O resultado dessa sonoridade acaba por criar uma energia eletrizante que busca inspiração na cultura africana. O grupo atuou recentemente no Rock in Rio.

A inigualável voz do louletano Nuno Guerreiro, líder da Ala dos Namorados, vai abrir as hostilidades no Palco da Cerca, no dia 26. A banda está de regresso ao ativo após alguns anos e, em Loulé, promete trazer alguns êxitos de uma carreira de mais de duas décadas como “Solta-se o Beijo”, “Loucos de Lisboa” ou “Caçador de Sóis”.

Ai! é um projeto que junta os músicos César Prata e Suzete Marques. Reúne pedaços da tradição dispersa na imensidão das memórias. Com a simplicidade que vem da terra, cantam com força e doçura... O grupo sobe ao Palco Castelo, no dia 26.

Da Andaluzia diretamente para Loulé, os Rarefolk são uma das revelações em termos de formações de música instrumental mais criativa de Espanha. Com mais de 20 anos de existência e 5 trabalhos discográficos, a banda reinventou-se e criou uma linguagem muito própria. O espetáculo está marcado o último dia do MED, no Castelo.

Palcos da Bica e Arco

A par dos três palcos principais – Matriz, Cerca e Castelo – as músicas do mundo vão ecoar também nos Palcos Bica e Arco, espaços que pretendem aliar os concertos a áreas de restauração.

Localizado num antigo quintalão junto aos Banhos Islâmicos, o Palco Bica apresenta uma programação musical marcada pelos sons alternativos. Este cartaz nasce de uma parceria com o Bafo de Baco, emblemático local de concertos da cidade de Loulé.

No dia 26, atuam neste local os portugueses Mundopardo, banda que lançou recentemente o seu álbum de estreia, aos quais se juntam The Miranda’s e A Can-a-Worms. No segundo dia as propostas são Fast Eddie Nelson, com a sua fusão de Blues, Rock, Folk, Bluegrass e algum psicadelismo, numa apologia ao Mississipi, artista que será antecedido em palco por Um Corpo Estranho e Trio Trillar.

No encerramento do MED, o grande destaque vai para o projeto Folk-Rock-Indie com influências de Johnny Cash, Bob Dylan ou Bruce Springsteen, Sam Alone & The Gravediggers. Completam o cartaz desta noite Boris Buggarov Band e Daniel Kemish.

No Palco Arco, que serve de aquecimento para os grandes espetáculos da Matriz e que nasce de uma parceria com a Casa da Cultura de Loulé, marcam presença no primeiro dia os Cloudleaf, com a suas raízes fortes no post-rock alternativo, e os Pelivento.

No dia 27, o louletano Marco Cristovam, com o seu alter-ego Nobre Ventura, leva ao Palco do Arco um projeto musical com as suas referências Folk, Rock, Blues, Grundge, aliadas à Música Tradicional Portuguesa. Segue-se um espetáculo com outro grupo algarvio, os Orblua.

No último dia do Festival, os MTM vão incendiar o palco com a sua fusão de sonoridades que reúne em palco guitarra acústica, voz, percussão e didgeridoo. A iniciar a noite estará Ana Rostron & João Caiano.

Recorde-se que o cartaz do 11º Festival MED conta ainda com as presenças de Gisela João (Portugal), Mercedes Peón (Espanha), Bomba Estéreo (Colômbia), Celina da Piedade (Portugal), Jupiter & Okwess International (Congo), Turtle Island (Japão), Bombino (Níger), Graveola e o Lixo Polifônico (Brasil), Winston McAnuff & Fixi (Jamaica/França), Jahcoustix (Alemanha), La Selva Sur (Espanha), Batida Balkanica (Portugal), Debademba (Mali), Nour Eddine (Marrocos), Dino d’Santiago (Cabo Verde/Portugal) e Primitive Reason (Portugal).

 

Preços dos Bilhetes

 

PRÉ-VENDA - até dia 15 de junho
Bilhete Diário - 10,00€
Bilhete Festival (Acesso aos 3 dias de festival) - 25,00€
Bilhete Diário Família (2 adultos + 2 crianças até 16 anos) - 25,00€


VENDA - a partir de 15 de junho
Bilhete Diário - 12,00€
Bilhete Festival (Acesso aos 3 dias de festival) - 30,00€
Bilhete Diário Família (2 adultos + 2 crianças até 16 anos) -25,00€


Nota: Crianças até 12 anos não pagam.

 

 

Fonte: CM Loulé

 

 

 

Booking.com
09
Jun14

2099: Previsão meteorológica para a semana de 9 de Junho a 15 de Junho de 2014

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

 

Dia 9 (2ªfeira) - Céu nublado por nuvens altas. Vento moderado de oeste durante a tarde.

 

Máximas: 23ºC - 27ºC

mínimas: 11ºC - 15ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 18/19ºC.

 

Dia 10 (3ªfeira) - Céu nublado. Vento fraco a moderado de noroeste. Pequena subida de temperatura máxima.

 

Máximas: 25ºC - 29ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 18/19ºC.

 

Dia 11 (4ªfeira) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de norte. Pequena subida de temperatura.

 

Máximas: 29ºC - 33ºC

mínimas: 16ºC - 20ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 12 (5ª feira) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de sueste. Pequena subida de temperaura.

 

Máximas: 30ºC - 34ºC

mínimas: 18ºC - 22ºC

 

Estado do mar: Ondas de sueste com 1 a 1.5 metros.

 

Dia 13 (6ª feira) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento moderado de sueste.

 

Máximas: 30ºC - 34ºC

mínimas: 20ºC - 24ºC

 

Estado do mar: Ondas de sueste com 1 metro.

 

Dia 14 (Sábado) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de sueste.

 

Máximas: 31ºC - 35ºC

mínimas: 19ºC - 23ºC

 

Estado do mar: Ondas de sueste com 1 metro.

 

Dia 15 (Domingo) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de sueste.

 

Máximas: 31ºC - 35ºC

mínimas: 19ºC - 23ºC

 

Estado do mar: Ondas de sueste com 1 metro.

Booking.com
07
Jun14

2098: Ambientalistas aplaudem Portugal por limitar pesca que destrói fundos marinhos

Tempo no Algarve

É raro, mas desta vez os ambientalistas estão satisfeitos com o Governo português. Uma portaria publicada há pouco mais de uma semana, regulamentando a pesca na maior parte das águas portuguesas, proíbe o arrasto de fundo, uma técnica temida pelos seus efeitos sobre o leito do oceano.

 

Publicada dia 28 de Maio, a portaria fixa que só a pesca com anzol e linha será autorizada numa vasta área, com mais de dois milhões de quilómetros quadrados, sobretudo nas zonas abrangidas pela extensão da plataforma continental do país além das 200 milhas da zona económica exclusiva (ZEE).

Mesmo deixando de fora grandes áreas da ZEE mais próximas do Continente, Açores e Madeira, a medida foi bem recebida por organizações de defesa dos oceanos por proibir, na prática, o arrasto de profundidade. Esta arte de pesca envolve submergir uma enorme rede, atada a pesos, que pousa sobre o fundo e depois é arrastada, capturando peixes e outros organismos que vivem junto ao leito. O problema é que, no trajecto, o arrasto literalmente varre tudo o que está pela frente, deixando atrás de si um autêntico deserto.

 

Muitos países introduziram já legislação a proibir ou limitar o arrasto de fundo. Na União Europeia, uma proposta da Comissão para banir esta arte de pesca abaixo dos 600 metros de profundidade foi rejeitada pelo Parlamento em Dezembro passado, por uma escassa maioria.

 

É em grande parte por isso que algumas organizações ambientalistas saudaram a iniciativa de Portugal. “Acreditamos que esta medida vai ter ecos fora do pais”, afirma Gonçalo Carvalho, da Associação de Ciências Marinhas e Cooperação, uma das 70 organizações, de vários países, que integram a Coligação para a Conservação dos Fundos Oceânicos. “É um sinal de que Portugal quer gerir bem essa área e explorar de forma sustentável os recursos que aí existem”, completa Carvalho.

 

Na quarta-feira, a Oceana, uma organização internacional dedicada à protecção dos mares, já tinha saudado a decisão de Portugal. “Esperamos que esta medida, que afecta uma área quatro vezes maior do que a Península Ibérica, inspire outros países com interesses de pesca na área a adoptaram proibições semelhantes”, disse Xavier Pastor, coordenador executivo da Oceana para a Europa, num comunicado.

 

A portaria aplica-se apenas às embarcações portuguesas. “Isto para já é um exemplo e estamos a convidar os outros a aderirem à nossa iniciativa”, afirma o secretário de Estado do Mar, Manuel Pinto de Abreu.

 

O governante diz que as normas agora aprovadas seguem-se a outras para garantir uma exploração sustentável dos fundos marinhos na plataforma continental. “Temos vindo a tomar uma série de medidas de precaução”, refere, dando como exemplo a constituição de cinco áreas marinhas protegidas na zona abrangida pela extensão da plataforma.

 

“Não estamos a impedir a exploração, queremos é que seja sustentável”, afirma Pinto de Abreu. “Não há um preconceito contra artes de pesca. Há formas de arrasto que não representam problemas”, completa.

 

A portaria pode, na prática, ter um efeito limitado sobre a frota nacional. Áreas importantes onde a pesca é exercida não estão abrangidas pela legislação. E nos mares mais próximos dos Açores e da Madeira, o arrasto de fundo já está proibido desde 2005.

 

Além disso, uma boa parte da pesca de profundidade no país é feita com a arte do palangre – longas linhas, com centenas de anzóis, com as quais se captura por exemplo o peixe-espada preto. “Portugal, na pesca de profundidade, é um exemplo. São pescarias sustentáveis”, afirma Gonçalo Carvalho.

Mas tanto ambientalistas, como o Governo, estão contentes. “Tudo isto cria uma vaga de fundo que pode ganhar força”, justifica o secretário de Estado do Mar.

 

Fonte: Publico

Booking.com
03
Jun14

2097: Situação nas Albufeiras no Algarve

Tempo no Algarve

Dados referentes a 31 de Maio de 2014

 

Nome

Volume

armazenado (dam3)

Percentagem

(%)

Diferença em relação

ao mês anterior

Albufeira do Arade 18088 63.71 -6.99%
Albufeira do Beliche 39874 83.07 -1.88%
Albufeira da Bravura 29711 85.32 -3.14%
Albufeira do Funcho 38458 80.59 -0.26%
Albufeira de Odeleite 114664 88.20 -3.29%
Albufeira de Odelouca 128180 81.64 -4.66%

 

 

Fonte: SNIRH

Booking.com
02
Jun14

2096: Previsão meteorológica para a semana de 2 de Junho a 8 de Junho de 2014

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

 

Dia 2 (2ªfeira) - Céu pouco nublado temporariamente nublado por nuvens altas. Vento fraco a moderado de noroeste sendo de sudoeste durante a tarde. Pequena subida da temperatura máxima.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 13ºC - 17ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 18ºC.

 

Dia 3 (3ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento fraco a moderado de noroeste.

 

Máximas: 26ºC - 30ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro. Temperatura da água do mar: 18ºC.

 

Dia 4 (4ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento fraco a moderado de noroeste.

 

Máximas: 26ºC - 30ºC

mínimas: 13ºC - 17ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 5 (5ª feira) - Céu pouco nublado ou limpo. Vento fraco de noroeste.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 12ºC - 16ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 6 (6ª feira) - Céu nublado por nuvens altas. Vento moderado de sudoeste. Pequena descida da temperatura máxima.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 13ºC - 17ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 7 (Sábado) - Céu nublado. Vento moderado de oeste.

 

Máximas: 23ºC - 27ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

 

Dia 8 (Domingo) - Céu pouco nublado. Vento moderado de noroeste.

 

Máximas: 24ºC - 28ºC

mínimas: 14ºC - 18ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste inferiores a 1 metro.

Booking.com

Calendário

Junho 2014

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

reserva

Booking.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

  • Tempo no Algarve

    Pode clicar na localização no local de embarque e ...

  • Lucila

    Como chego de Tavira em 4-'aguas?

  • carlos silva

    Boa noite para o ano que vem vou passar ferias ao ...

  • alberto

    e os harários para setembro 2017?

  • CR

    Grandes treta as bolsas de estacionamento, são esp...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search