Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

reserva

Booking.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

  • Tempo no Algarve

    Olá Cláudia.Desde já, agradeço a sua informação e ...

  • Cláudia

    Olá!Queria avisar que já descobri os novos horário...

  • Tempo no Algarve

    Olá Cláudia. A empresa que efectua o transporte ai...

  • Cláudia

    Olá! Podem actualizar o horário para Julho 2018, p...

  • Tempo no Algarve

    Pode clicar na localização no local de embarque e ...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

30
Nov12

Dados da Estação Meteorológica em Olhão (não oficial)

Tempo no Algarve

Dados referentes ao mês de Novembro de 2012

 

Dia

Temperatura

Máxima (ºC)

Temperatura

mínima (ºC)

Precipitação

(mm)

             Observações             
1 20.2 13.6 3

Céu pouco nublado durante o dia

Aguaceiros durante a noite

2 19.8 11.2  18

Céu nublado. Chuva a partir da

tarde

3 21.3 17.2 20

Céu muito nublado. Aguaceiros

fortes

4 21.7 13.1 21

Céu muito nublado. Aguaceiros fortes

até ao final da manhã

5 17.7 11.4 1 Céu nublado, Chuva fraca
6 19.2 11.6 0 Céu pouco nublado
7 19.8  13.3 17  Céu nublado. Aguaceiros. 
8 19.3  12.3 26 

Céu nublado tornando-se limpo 

durante a tarde. Chuva durante a

madrugada 

9 19.2  11.2  1 

Céu nublado com abertas

Aguaceiros 

10 19.5  10.8  Céu nublado com abertas 
11 16.9  12.3  0  Céu limpo 
12 18.6  10.0  Céu limpo 
13 20.2  11.8  Céu limpo 
14 20.2  7.4  Céu pouco nublado 
15 21.0  12.3  16  Céu nublado. Chuva ao fim da tarde 
16 19.6  14.5   16

Céu nublado. Aguaceiros fortes e

trovoadas 

17 18.9  13.8  2  Céu nublado com abertas. Aguaceiros 
18 19.6  12.9  0  Céu limpo 
19 18.8  10.3  Céu pouco nublado 
20 18.0  9.0  Céu nublado 
21 18.3 11.7 4

Céu nublado. Aguaceiros durante a

madrugada

22 17.6  9.7  0 Céu limpo 
23 19.6 7.4 0 Céu nublado
24 20.1 15.0 0 Céu nublado
25 20.9  14.8  0  Céu nublado 
26 18.2 9.1 0 Céu nublado
27 15.1 6.6  0  Céu pouco nublado 
28 15.7  7.7  0  Céu pouco nublado 
29 15.0  6.7  0  Céu limpo 
30 13.5  5.2  2 

Céu nublado. Aguaceiros durante a

madrugada 

Booking.com
27
Nov12

1736: Aviso Amarelo no Algarve

Tempo no Algarve

Faro

Última actualização da informação:

Terça-feira, 27 de Novembro de 2012

Aviso

Amarelo

Agitação Marítima

Para o período de: 2012-11-27 12:00:00 até: 2012-11-28 11:59:59

Altura Significativa das Ondas

Na costa ocidental Ondas de noroeste com 3 a 4 metros

 

Fonte: IM

Booking.com
26
Nov12

1735: Tornado do Algarve vai custar quase três milhões às seguradoras

Tempo no Algarve

O tornado que afectou o Algarve no dia 16 gerou perto de 700 sinistros cobertos por seguros, cujo custo global para as seguradoras supera os 2,6 milhões de euros, disse à Lusa o presidente da Associação Portuguesa de Seguradores.

Segundo Pedro Seixas Vale, estes são “dados preliminares”, mas, “passado uma semana [do sinistro], 90 a 95% das participações já foram feitas” e o custo final não deverá ultrapassar os três milhões de euros.


“É muito semelhante ao tornado de Ferreira do Zêzere, em Tomar, que aconteceu há cerca de um ano”, afirmou à Lusa. De acordo com o presidente da Associação Portuguesa de Seguradores (APS), o número total de habitações e veículos afectados pelo tornado de Silves e Lagoa terá sido “praticamente o dobro”, mas os restantes não estavam segurados, pelo que o sector segurador só irá indemnizar metade dos prejuízos.


Salientando a importância da protecção conferida pelos seguros, sobretudo em “momentos de crise como o que se está a passar”, Pedro Seixas Vale considerou “pouco razoável” o anúncio feito pelo secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social, Marco António Costa, de que o Governo irá, através de um fundo de emergência, cobrir “todas as situações [não cobertas] que se justifiquem socialmente”.  “É pouco razoável, porque faz com que as pessoas que não fizeram um seguro tenham o mesmo tipo de indemnização, o que não é justo em relação às pessoas que pagaram os seguros. É fazer depender tudo do Estado. As pessoas não têm a sua protecção bem feita e, depois, aparece sempre o Estado a dizer ‘coitadinhos, coitadinhos’ e os cidadãos não são coitadinhos, têm que também ter responsabilidades”, sustentou.


Na sua opinião, é em momentos como o actual que “as pessoas têm que pensar que não podem ter determinado tipo de eventos que lhes causam um prejuízo muito grande, porque já não têm poupanças suficientes”. “A média destes sinistros é de 4000 euros líquidos, o que, para algumas pessoas, significa 70 ou 80% do rendimento anual. Pagar meia dúzia de euros por mês para ter estes seguros, às vezes, compensa perfeitamente”, defendeu Seixas Vale.


Os dados avançados à Lusa pela APS destacam os seguros multi-riscos habitação como os “mais afectados” pelo sinistro do Algarve, sendo responsáveis por 500 participações, com custos globais na ordem dos 1,8 milhões de euros. Já ao abrigo do seguro multi-riscos comércio e indústria foram abertos 50 sinistros, com custos de 400 mil euros, e na cobertura de danos próprios de seguros de automóvel foram registados mais de 130 sinistros que custarão quase 500 mil euros às seguradoras.

 

Fonte: Publico

Booking.com
26
Nov12

1734: Previsão meteorológica para a semana de 26 de Novembro a 2 de Dezembro de 2012

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

Dia 26 (2ªfeira) - Céu nublado. Vento fraco a moderado de noroeste. Pequena descida da temperatura mínima.

Máximas: 17ºC - 21ºC
mínimas: 8ºC - 12ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 1.5 metros. Temperatura da água do mar: 18ºC.

Dia 27 (3ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento moderado de noroeste. Descida de temperatura.

Máximas: 13ºC - 17ºC
mínimas: 5ºC - 9ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1.5 a 2 metros. Temperatura da água do mar: 18ºC.

Dia 28 (4ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento moderado de noroeste. 


Máximas: 13ºC - 17ºC
mínimas: 5ºC - 9ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1.5 a 2 metros.

Dia 29 (5ª feira) - Céu pouco nublado. Vento moderado de noroeste. Pequena descida de temperatura.

Máximas: 13ºC - 17ºC
mínimas: 5ºC - 9ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 2 metros.

Dia 30 (6ª feira) - Céu nublado. Vento moderado de noroeste com rajadas até 50 km/h. Possibilidade para a ocorrência de aguaceiros.

Máximas: 14ºC - 18ºC
mínimas: 8ºC - 12ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1.5 a 2 metros.

Dia 1 (Sábado) - Céu nublado tornando-se pouco nublado. Vento moderado de noroeste.

Máximas: 13ºC - 17ºC
mínimas: 7ºC - 11ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1.5 a 2 metros.

Dia 2 (Domingo) - Céu pouco nublado. Vento moderado de noroeste.

Máximas: 13ºC - 17ºC
mínimas: 8ºC - 12ºC

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 2 metros.

Precipitação prevista para esta semana: 0 mm a 5 mm

Booking.com
25
Nov12

1733: Tornado: Governo disponibiliza dois milhões de euro

Tempo no Algarve

A existência de empréstimos para compra de casa ou carro e o número de filhos de cada família vão ser tidos em conta nos critérios para atribuição de apoios às vítimas do tornado que, dia 16, atingiu os concelhos de Lagoa e Silves. Até quem tenha seguro pode receber ajudas, caso se mostre necessário.


No total, o Governo tem dois milhões de euros para apoiar as famílias afectadas, anunciou ontem o secretário de Estado da Segurança So-cial, Marco António Costa, após reunião com os presidentes das duas autarquias, em Faro. Verba considerada "mais do que suficiente", pelo governante, face ao valor dos prejuízos apurados.

 

"A intenção é ajudar quem tem maiores dificuldades", referiu ao CM o presidente da Câmara de Lagoa, José Inácio Eduardo, "vamos analisar caso a caso e não será apenas o vencimento de cada agregado familiar a determinar o apoio", acrescentou. Por isso, o autarca apela a que todos os que foram afectados pelo tornado se dirijam, ao longo da próxima semana, aos serviços sociais dos respectivos municípios, para exporem as sua situação. "Mesmo que uma pessoa tenha um seguro, esse pode não ser suficiente e o munícipe poderá receber ajuda", referiu ainda José Inácio Eduardo.

 

As regras concretas para a atribuição das ajudas financeiras pelo Governo só amanhã ficarão definidas, numa reunião de técnicos da Segurança Social e das duas autarquias.

 

Relativamente à recuperação de edifícios e espaços públicos, quinta-feira, o Governo autorizou as duas câmaras a recorrerem ao Fundo de Emergência Municipal, permitindo que aumentem o endividamento. A situação mais complicada será a recuperação do telhado das Piscinas Municipais de Silves, destruído pelo vento.

 

Fonte: CM


Booking.com
21
Nov12

1732: Algarve: Tornado deixa prejuízos de 5 milhões de euros

Tempo no Algarve

Os autarcas de Silves e Lagoa, os concelhos mais afectados pelo temporal de sexta-feira, estimam os prejuízos em quase cinco milhões de euros, devendo o Governo aprovar os mecanismos para apoiar as vítimas no próximo Conselho de Ministros.

 

Em comunicado divulgado hoje no final de uma reunião com os autarcas, o Governo reiterou "a intenção de apoiar no mais curto prazo possível as famílias e os municípios afectados, através dos instrumentos legais apropriados", cuja resolução deverá ser aprovada no próximo Conselho de Ministros.

 

No encontro entre os autarcas de Silves, Rogério Pinto, e de Lagoa, José Inácio Eduardo, e os ministros da Administração Interna, Miguel Macedo, e dos Assuntos Parlamentares, Miguel Relvas, foi apresentado o relatório de levantamento dos danos causados pelo temporal.

 

Segundo os autarcas, no concelho de Silves, os prejuízos nos bens públicos ascendem a 1,6 milhões de euros e nos privados os 2,1 milhões de euros, enquanto no concelho de Lagoa os danos totalizam 350 mil euros no público e 1,1 milhões de euros no privado.

 

"Foi feito um relatório preliminar" sobre os danos "no privado e no público", mas "não há compromissos nenhum", sendo que "os mecanismos legais, que serão criados na quinta-feira, é que irão determinar o que serão os apoios do Governo", indicou o presidente da Câmara de Silves, Rogério Pinto, à saída da reunião.

 

Por sua vez, o autarca de Lagoa, José Inácio Eduardo, mostrou-se preocupado com "o enquadramento jurídico" para "responder" aos prejuízos dos privados, nomeadamente nos casos das "viaturas e das habitações".

 

"Da parte dos recheios [das casas] e sempre que estejam em causa questões de ordem social, o Governo tem abertura para a sua discussão, dado que há enquadramento", realçou. 

 

O autarca alertou para os casos em que as vítimas "não têm seguro" e outras, que mesmo "tendo seguro, por qualquer circunstância, este não responde a situações destas".

 

Nesse sentido, disse que será feita uma "avaliação local e particular em cada caso", o que "vai obrigar à feitura da caracterização da situação" para se celebrarem "os contratos sociais de apoio".

 

O tornado que na sexta-feira se fez sentir em Lagoa e Silves provocou 13 feridos, três deles graves, e 12 desalojados. Cerca de uma centena de habitações, telhados, automóveis e autocaravanas foram danificados pela força do vento.

 

Em Silves, o temporal causou danos avultados nas piscinas municipais, que estão inutilizadas, no edifício da câmara e do mercado municipal e também no Estádio do Silves Futebol Clube, cujo muro e bancadas desabaram.

 

No concelho de Lagoa, o mau tempo provocou sobretudo estragos na zona nova da cidade, uma área maioritariamente residencial, tendo destruído a fachada de entre 70 a 80 apartamentos, segundo a câmara.

 

TRABALHOS DE LIMPEZA CONTINUAM


Os trabalhos de limpeza e recuperação das casas e estruturas danificadas pelo tornado prosseguem nos concelhos de Silves e Lagoa, envolvendo populares e funcionários dos dois municípios. Já não há operacionais da Protecção Civil no terreno, confirmou o responsável do Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro, Abel Gomes.

No pico das operações, durante a tempestade, na tarde de sexta-feira, estiveram envolvidos 231 bombeiros algarvios, a que se juntou uma equipa de força especial de bombeiros, GNR e um grupo de reforço do distrito de Beja. A GNR e voluntários garantiram a segurança das casas danificadas até à chegada dos proprietários – há apenas registo de uma moradia assaltada, em Carvoeiro. A actuação dos voluntários e forças no terreno foi reconhecida pelos autarcas de Silves e Lagoa e ainda pelo bispo do Algarve.

 

"RAJADAS SUPERIORES A 200KM/H"


O tornado que sexta-feira atingiu os concelhos de Lagoa e Silves registou "rajadas superiores a 200 km/hora", disse ao CM Paulo Pinto, do Instituto de Meteorologia, que ontem estava a ultimar o relatório sobre o fenómeno.

 

De acordo com o meteorologista, o tornado atingiu uma magnitude "entre F2 e F3 na escala de Fujita", que mede este tipo de fenómenos (vai de F0 (poucos danos) a F5 (danos impensáveis). O nível F3 corresponde a um tornado ‘severo’. "A escala baseia-se nos danos observados", explicou Paulo Pinto, segundo o qual o tornado, no seu trajecto "entre Carvoeiro e uma zona a Norte de Silves", foi "mais forte em Lagoa e Silves". E, frisou, "não se podia prever. Só o mau tempo".

 

Fonte: CM

Booking.com
21
Nov12

1731: Projeto apoiado pela IBM em Faro prevê criar sistema de alerta para fenómenos naturais

Tempo no Algarve
A criação de um sistema de informação que permita prever fenómenos naturais como o temporal que atingiu o Algarve é um dos objetivos de um projeto apoiado pela IBM, hoje apresentado em Faro.

A capital algarvia é a primeira cidade portuguesa a ser galardoada pela Fundação IBM (multinacional da área da tecnologia e consultadoria) para integrar a terceira edição do programa cidadania corporativa, que visa tornar as cidades mais inteligentes.

A atribuição do prémio implica que durante três semanas uma equipa de especialistas da IBM esteja em Faro para avaliar e recomendar melhorias estruturais para a cidade, apoio que é concedido não em dinheiro, mas em serviços de consultoria, avaliados em 314 mil euros.

A candidatura ao galardão apresentada pela Câmara de Faro, mas que envolve várias outras entidades, centrou-se numa proposta dedicada ao mar algarvio, anunciou em conferência de imprensa o presidente da autarquia, Macário Correia.

Entre os objetivos da candidatura está a intenção de criar um sistema de informação de apoio à monitorização ambiental que permita às entidades e população reagir atempadamente a fenómenos naturais, como o temporal que na passada semana devastou Lagoa e Silves.

O sistema de informação deverá estar disponível para os serviços estatais com competência no mar e para as empresas, razão que leva Macário Correia, a prever uma modernização do setor empresarial ligado ao mar e um novo impulso no concelho e na região.

Perante o cenário de crise económica e as dificuldades que a câmara enfrenta, o autarca referiu que o projeto reforça a ideia de que é preciso procurar a resolução dos problemas sob outro prisma, apostando numa gestão com o mínimo de custos possível.

O presidente da IBM Portugal, António Raposo de Lima, explicou durante a apresentação do projeto que o apoio da multinacional vai incidir na auscultação dos parceiros envolvidos, com vista a apresentar recomendações detalhadas e coerentes com os objetivos da candidatura apresentada pela autarquia.

O concurso foi concebido pela fundação com base num conceito de programa de cidadania corporativa que passa pelo apoio e consultadoria às entidades envolvidas com vista a criação de cidades inteligentes em todo o mundo.

Além da câmara municipal, o projeto envolve várias entidades, como é o caso da Associação Maralgarve, Universidade do Algarve (Ualg), Docapesca e Direção Regional de Agricultura e Pescas.

A seleção foi feita entre 100 cidades mundiais que, tal como Faro, apresentaram projetos que as tornassem mais inteligentes, eficazes e dinâmicas.

Além de Faro, outras 30 cidades do mundo - nos Estados Unidos, Índia, Japão e Reino Unido, entre outros países -, foram distinguidas com o galardão "Smarter Cities Challenge 2013". 
Fonte: LUSA
Booking.com
19
Nov12

1730: Previsão meteorológica para a semana de 19 de Novembro a 25 de Novembro de 2012

Tempo no Algarve

Previsão meteorológica no Algarve para os próximos dias:

 

Dia 19 (2ªfeira) - Céu pouco nublado. Vento fraco. Pequena descida da temperatura mínima.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 7ºC - 11ºC

 

Estado do mar:  Ondas de sudoeste com 1 metro. Temperatura da água do mar: 18ºC.

 

Dia 20 (3ªfeira) - Céu nublado. Vento fraco de sul. Períodos de chuva ou aguaceiros para o final da tarde. 

 

Máximas: 16ºC - 20ºC

mínimas: 10ºC - 14ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 1.5 metros. Temperatura da água do mar: 18ºC.

 

Dia 21 (4ªfeira)  - Céu nublado, diminuindo de nebulosidade a partir da tarde. Vento moderado de norte. Aguaceiros até ao final da manhã.

Máximas: 16ºC - 20ºC

mínimas: 10ºC - 14ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1.5 a 2 metros.

 

Dia 22 (5ª feira) - Céu pouco nublado temporiamente nublado por nuvens altas. Vento fraco. Pequena descida de temperatura.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 8ºC - 12ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 metros.

 

Dia 23 (6ª feira) - Céu muito nublado. Vento fraco de sul. Períodos de chuva ou aguaceiros.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 8ºC - 12ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 2 metros.

 

Dia 24 (Sábado) - Céu nublado. Vento moderado de sueste. 

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 7ºC - 11ºC

 

Estado do mar: Ondas de sudoeste com 1 a 1.5 metros.

 

Dia 25 (Domingo) - Céu  nublado. Vento moderado de ueste.

 

Máximas: 15ºC - 19ºC

mínimas: 8ºC - 12ºC

 

Estado do mar:  Ondas de sudoeste com 1 a 1.5 metros.

 

Precipitação prevista para esta semana: 5 mm a 30 mm

Booking.com
17
Nov12

1729: Prejuízos públicos ultrapassam os cinco milhões em Silves

Tempo no Algarve

O edifício da Câmara Municipal de Silves ficou sem telhado e muito danificado. Os serviços municipais vão ter de ser transferidos. Autarquia não tem meios para enfrentar a situação.

O presidente da Câmara Municipal de Silves, Rogério Pinto, diz que ainda é cedo para ter uma noção exata dos estragos provocados pelo tornado que fustigou ontem os municípios de Lagoa e Silves, mas admite que só na sua autarquia o prejuizo ascenderá a cinco milhões de euros nos edifícios públicos.

"Nós temos equipas no terreno a fazer o levantamento dos estragos nos edifícios públicos, mas para já, e numa estimativa por baixo, acreditamos que serão necessários pelo menos cinco milhões de euros sem contar com os danos nos privados", adianta ao Expresso Rogério Pinto.

 

O tornado, que se terá formado ao largo da costa algarvia, dirigiu-se para terra na zona do Carvoeiro, avançando por Lagora norte, por Lagoa, em direção a Silves. Ao chegar à cidade, entrou pela zona ribeirinha, onde estão localizadas as piscinas municipais.

 

"Nós tinhamos lá pessoas, quando isto aconteceu e tivemos de evacuá-las. Neste momento, as piscinas estão sem cobertura e a zona dos gabinetes e ginásios está totalmente alagada", refere o autarca.

 

Os serviços na sede da Câmara Municipal não poder-ao funcionar, já que o edifício ficou destelhado. "O Salão Nobre está alagado e os edifícios não estão em condições de se poder lá trabalhar. Hoje à tarde, vamos ter uma reunião para fazer o balanço da situação, mas a Câmara não vai parar, como é óbvio", acrescenta Rogério Pinto.

 

O executivo camarário está a equacionar a transferência de pessoal para outros edifícios municipais, tais como o pavilhão de feiras e exposições - FISSUL, mas o processo exige a passagem de todos os coputadores e servidores, o que ainda levará algum tempo.

 

Esta tarde, o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, e o secretário de Estado da Administração Local, Paulo Simões Júlio, vão visitar as zonas mais afetadas, para observarem os estragos causados pelo temporal.

Duas centenas de casas ainda sem luz

 

Ainda ontem, o presidente da Câmara de Silves admitia não ter meios técnicos, humanos ou financeiros para fazer face à situação. Hoje, pedirá ao Governo para libertar fundos, venham eles de onde vierem, para lidar com a situação.

 

Entretanto, esta manhã, a EDP garantiu que das 4300 pessoas que ficaram sem eletricidade, apenas 200 se encontravam ainda nessa situação. Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro de Faro (CDOS), encontram-se ainda no terreno cerca de 100 operacionais e 23 veículos, nas operações de remoção dos destroços.

 

O tornado provocou 13 feridos, três dos quais em estado grave mas que não corriam perigo de vida, segundo fonte do Hospital de Faro



Fonte: Expresso

Booking.com
16
Nov12

1728: Vídeos do Tornado em Silves e Lagoa

Tempo no Algarve

 

Fonte: Diário Digital

 

 

Fonte: Youtube - Gui Teixeira

 

Booking.com

Pág. 1/4

Calendário

Novembro 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930

reserva

Booking.com

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

  • Tempo no Algarve

    Olá Cláudia.Desde já, agradeço a sua informação e ...

  • Cláudia

    Olá!Queria avisar que já descobri os novos horário...

  • Tempo no Algarve

    Olá Cláudia. A empresa que efectua o transporte ai...

  • Cláudia

    Olá! Podem actualizar o horário para Julho 2018, p...

  • Tempo no Algarve

    Pode clicar na localização no local de embarque e ...

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search