Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Google

Comentários recentes

  • Anónimo

    Horários e preços já muito desatualizados.E para a...

  • Tempo no Algarve

    Boa noite. Hoje já foi publicado os dados climatol...

  • Anónimo

    Bom dia, onde estão os dados climatológicos refere...

  • Anónimo

    Bom dia, gostaria que atualizassem os dados deste ...

  • Botas de Mulher

    Informação sem dúvida muito útil apar quem pretend...

Pesquisa

Custom Search

subscrever feeds

Mais sobre mim

30
Set12

Dados da Estação Meteorológica em Olhão (não oficial)

Tempo no Algarve

Dados referentes ao mês de Setembro de 2012

 

Dia

Temperatura

Máxima (ºC)

Temperatura

mínima (ºC)

Precipitação

(mm)

            Observações              
1 31.1 19.5 0 Céu pouco nublado
2 31.6  20.5  0 Céu limpo 
3 29.4  17.5  0 Céu nublado por nuvens altas 
4 29.8  19.7   0  Céu limpo 
5 28.6 17.8  0 Céu limpo 
6 29.1  20.7   0  Céu limpo 
7 26.8  20.9   0  Céu nublado 
8 26.7  17.8   0  Céu pouco nublado 
9 25.1  16.6 

Céu pouco nublado por nuvens

altas 

10 25.4  17.1  0  Céu pouco nublado 
11 27.3  17.4  0  Céu limpo 
12 33.3  24.1  Céu limpo 
13 31.0  20.1  0  Céu limpo 
14 28.8  20.1  0 

Céu pouco nublado

por nuvens altas 

15 29.2  18.7  Céu limpo 
16 25.9  17.8  0  Céu limpo 
17 25.8  16.7  0  Céu nublado por nuvens altas 
18 29.0  21.0  0 

Céu nublado tornando-se

pouco nublado 

19 26.0  19.4  0  Céu pouco nublado 
20 26.4  18.0  0  Céu pouco nublado
21 26.9  20.6  0  Céu pouco nublado 
22 25.2  17.0  0  Céu pouco nublado 
23 25.3  19.1  2  Céu nublado. Aguaceiros 
24 24.2  15.4  0 

Céu nublado tornando-se

pouco nublado 

25 24.1  16.1  0 

Céu pouco nublado temporiamente

nublado

26 21.5  17.0 1  Céu nublado 
27 22.8  16.2  1  Céu nublado 
28 21.7  12.2  0  Céu nublado com abertas 
29 25.2  15.8  0  Céu nublado 
30 24.9  16.6  0  Céu pouco nublado 

 

30
Set12

1687: Seca: um terço do país em situação extrema em Agosto

Tempo no Algarve

A situação de seca sofreu um "ligeiro desagravamento" em Agosto, encontrando-se 1% do território continental em seca normal, 13% em seca fraca, 13% em moderada, 40% em severa e 33% em extrema, segundo o relatório do Ministério da Agricultura.

 

O 10º relatório de acompanhamento das condições e efeitos da seca reporta-se a 31 de Agosto e indica um "ligeiro desagravamento" da situação e que os maiores impactos, como esperado, são nos sectores de sequeiro, prados, pastagens permanentes e culturas forrageiras.

 

Em Agosto, a precipitação média em Portugal Continental esteve próxima do valor médio normal 1971-2000 (14.4 mm contra 13.7 mm) e a nível da precipitação acumulada está a 61% do valor normal acumulado de Outubro a Agosto (referência 1971/2000).

 

Nos sistemas hidroagrícolas há dificuldades em casos pontuais e houve maior dependência do exterior em relação à produção de energia hídrica.

As bacias tinham níveis de armazenamento um "pouco inferiores" aos valores médios habituais para Agosto.

 

"Encontrando-nos quase no final do ano hidrológico, constata-se que, em termos de reservas hídricas, as condições actuais são similares às do início do ano hidrológico 2011/2012", lê-se no documento, o qual acrescenta como excepções as bacias do Arade e do Sado. Nas outras bacias, a percentagem de armazenamento ultrapassava os 50%.

 

As dificuldades nas campanhas de rega foram registadas em Burga/Vale da Vilariça, Gostei, Odivelas, Silves, Lagoa e Portimão e Lucefécit.

 

Entre Janeiro e Agosto, na comparação com o período homólogo de 2011, a produção de energia hídrica foi 60% inferior, o que implicou uma queda da produção líquida de energia eléctrica de 16% e a um aumento das importações de 31%.

 

O documento nota que no Alentejo e no Algarve, os prados e pastagens naturais de sequeiro encontram-se, na sua grande maioria, esgotados, e que muitos agricultores não conseguiram constituir as reservas alimentares necessárias para o inverno.

 

Como esperado, há quebras na produção de grão na generalidade dos cereais de outono/inverno devido à diminuição da área de semeada e da produtividade.

 

A macieira apresentou quebra de produtividade no Norte e no Centro, enquanto a pereira registou decréscimos de produtividade entre 30 e 40% no Oeste e no Médio Tejo e os citrinos no Algarve, a nível das variedades mais tardias, tiveram diminuições de 15 a 30% face a um ano normal.

 

Há previsão de quebras também nos frutos secos, olival de sequeiro, assim como na vinha para uva de vinho produzida nas regiões do Norte, Lisboa e Vale do Tejo e no Alentejo, uma vez que no Centro a situação é "heterogénea".

 

Fonte: CM

Calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Facebook

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Google

Comentários recentes

  • Anónimo

    Horários e preços já muito desatualizados.E para a...

  • Tempo no Algarve

    Boa noite. Hoje já foi publicado os dados climatol...

  • Anónimo

    Bom dia, onde estão os dados climatológicos refere...

  • Anónimo

    Bom dia, gostaria que atualizassem os dados deste ...

  • Botas de Mulher

    Informação sem dúvida muito útil apar quem pretend...

Pesquisa

Custom Search

subscrever feeds

Mais sobre mim