Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Dezembro 2009

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

23
Dez09

839: Alerta Laranja no Algarve

Tempo no Algarve

 

Faro

Última actualização da informação:

Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

 

Vento

Laranja

Vento

Para o período de: 2009-12-23 19:00:00
até: 2009-12-24 13:59:59

Rajada Máxima do Vento e Velocidade Média do Vento

Nas terras altas vento muito forte com rajadas ate 120 km/h.

 

Precipitação

Laranja

Precipitação

Para o período de: 2009-12-23 21:00:00
até: 2009-12-24 03:59:59

Chuva/Aguaceiros

Chuva temporariamente muito forte

 

Agitação Marítima

Laranja

Agitação Marítima

Para o período de: 2009-12-23 19:00:00
até: 2009-12-24 18:59:59

Altura Significativa das Ondas

Ondas de sudoeste ate 6 metros.

 

Fonte: IM

 

Storm Forecast
Valid: Wed 23 Dec 2009 06:00 to Thu 24 Dec 2009 06:00 UTC
Issued: Wed 23 Dec 2009 00:52
Forecaster: PUCIK

A level 2 was issued for SW Iberia mainly for severe wind gusts, tornadoes and excessive precipitation.

A level 1 was issued for the area surrounding the level 2 mainly for severe wind gusts, tornadoes and to the lesser extent for excessive precipitation.

SYNOPSIS

A deep trough, filled with very cold airmass is forecast over Western Europe with significant mid and upper level flow surrrounding it with windspeeds locally over 40 m/s at 500 hPa level. Several impulses are forecast to rotate around the trough in strong westerly to southwesterly flow. To the east, a ridge will stretch from Southeastern Mediterranean to Russia.

At the surface, a complex pattern of low pressure systems will cover most of Western / Southwestern and Central Europe. Main frontal zone will lie across Iberia, then curving northeastwards from Northern Italy to Central Europe and a warm front will cross Belarus by the end of forecast period. A high is expected to stretch across continental Russia.

DISCUSSION

... Iberia ...

Two waves of significant weather are expected over the penninsula as two mid and upper level disturbances translate eastwards in strong zonal flow. Both of the disturbances will be accompanied by a surface low and a frontal system.

The first wave is expected to last between 06 UTC - 12 UTC and the second wave between 18 UTC - 06 UTC (but is expected to continue into the next forecast period). The threat will shift eastwards with time as the disturbances rapidly propagate eastward. As of Wednesday 00 UTC, one of the impulse is already affecting the weather across Iberia with thunderstorms developing in the region of dry intrusion over the Atlantic Ocean.

In both cases, models are in agreement considering that in the warm sector of the surface cyclones, high Theta-E airmass is expected to advect inland with marginal values of CAPE. Highly dynamic situation will boost up the wind shear - more than 30 m/s of bulk shear in deep layer and more than 15 m/s of bulk shear in 0-1 km layer are suggestive of a high potential for organised thunderstorms. Moreover, enhanced SREH values are simulated, over 300 J/kg, both in 0-3 and 0-1 km layer. 25 - 30 m/s flow at 850 and 700 hPa suggests a threat of damaging wind gusts in even the weaker thunderstorms. Strong low layer windshear in combination with humid airmass (low LCLs) will enhance the tornado threat with even a strong tornado not ruled out in this scenario.

In case of wind gust and tornado threat, one of the main uncertainities is the prediction of the storm mode. Strong forcing and abundant precipitation produced by the individual model runs is suggestive of a widespread tstm development, possibly forming an MCS. A strongly forced convective line is not ruled out with quickly traveling disturbances, especially in the region of the dry intrusion around the cold front. In case of strongly forced convective lines, LEWP and bow echoes might develop with enhanced threat of wind gusts or tornadoes. Isolated supercellular development is not very probable. Another questionable factor is the penetration of the humid airmass inland and whether the instability will be rooted in the boundary layer although most of the model output is optimistic concerning the presence of boundary layer CAPE.

Another severe weather threat should be an excessive precipitation. Strong and persistent coastal convergence should lead to possiblity of several waves of showers, especially on SW coasts of Portugal, Spain and around the Straint of Gibraltar. Tropical airmass characterized by high dewpoints and relative humidity across the lower troposphere should provide plenty of moisture to the developing of storms and high precipitation efficiency. Both GFS and ECMWF produce significant precipitation amounts for this region, especially during the night and morning hours of Thursday.
 

 

Fonte: Estofex

 

 

Fonte: Tiempo Severo

23
Dez09

838: "Limpa areais" e bombeiros combatem estragos do temporal nas praias e estradas

Tempo no Algarve

Limpa areias" retiram toneladas das praias algarvias para facilitarem a circulação dos residentes e os bombeiros parecem poucos para ajudar a retirar as árvores que caíram para cima de estradas e casas após o temporal registado esta madrugada.


 


Na Ilha de Faro, os condutores esperam pacientemente que os "limpa areais" retirem da estrada toneladas de areia trazidas pelo mar e vento.



O areal invadiu o asfalto com um manto grosso de areia que está a condicionar o trânsito normal.

Na estrada 396 que vai para Quarteira, quatro pinheiros quebraram, derrubando um poste de electricidade, o muro de uma habitação e parte do telhado.



"Isto aconteceu cerca das 02:00 e agora tenho os cabos de electricidade espalhados no jardim e não há luz", contou à Lusa Mário Sebastião, irmão do proprietário da casa invadida pelas árvores e sem electricidade.



Na praia de Quarteira as luzes de Natal foram também derrubadas e destruídas pelos ventos fortes.



No Barlavento algarvio, o vento e chuva fortes também originaram a queda de árvores, iluminações de Natal, andaimes e o corte de algumas estradas, tendo o concelho de Portimão sido o mais afectado pelo mau tempo.



Segundo a Protecção Civil Municipal de Portimão, o vento arrancou árvores de grande porte, telhas de várias habitações, destruiu vedações, "placards" publicitários, sinais de trânsito, e provocou estragos em viaturas e o corte de algumas estradas da cidade.

A mesma fonte, disse ainda que não foram registados danos pessoais.



Em Aljezur, a Estrada Nacional 120 esteve cortada ao trânsito esta madrugada, durante cerca de duas horas, devido ao transbordo de uma ribeira.



Em Lagos, os bombeiros acorreram a pequenas inundações, enquanto que nos concelhos de Monchique e Silves, o vento e a chuva provocaram o derrube de árvores e o deslocamento de terras. A cidade de Silves ficou sem electricidade.



No concelho de Tavira estão desde as primeiras horas da manhã duas estradas cortadas ao trânsito devido às cheias, uma na freguesia de Santiago, outra na freguesia de Santa Maria, disse à Lusa fonte dos Bombeiros Voluntários de Tavira.



A Estrada Nacional 397 - que liga Tavira a Cachopo -, e a Estrada Municipal 397 - que liga Tavira a Santo Estêvão -, estão encerradas desde as 07:30, mas o trânsito poderá voltar a ser retomado durante a tarde, devido à baixa da maré e caso não chova mais, disse o comandante da corporação.



O Comando Distrital de Operação de Socorros (CDOS) registou várias dezenas de inundações em todo o distrito algarvio e alguns deslizamentos de terras e várias dezenas de quedas de árvores.

 


 


Fonte: Barlavento Online

23
Dez09

837: Mau tempo no Algarve

Tempo no Algarve

Temporal derruba árvore de Natal gigante no centro histórico de Portimão


 



O temporal que esta madrugada percorreu o Algarve deixou um rasto de destruição no centro de Portimão, onde a vítima mais visível foi a árvore de Natal gigante da praça da Alameda, junto à Rua do Comércio.


Mas o mau tempo, com ventos a atingirem mais de 100 km/h, provocou ainda o derrube de inúmeras iluminações de Natal em toda a cidade e na Praia da Rocha, bem como prejuízos em carros e lojas atingidos por chapas metálicas que voaram.



A ponte velha do Arade chegou a estar com o trânsito cortado durante a madrugada, devido ao derrube das iluminações de Natal na entrada da estrutura.



Ao que o barlavento.online apurou junto de várias fontes e constatou no local, na zona da Cerca do Colégio, junto ao mercado municipal, chapas metálicas da vedação de zonas de obra voaram, atingindo automóveis e mesmo a montra de uma padaria.



Houve ainda inúmeras árvores derrubadas, tanto nessa zona da Cerca do Colégio, como na Prainha.

 



 


 


 


Estradas cortadas no interior de Tavira devido a inundações


 


A estrada entre São Domingos e Tavira está cortada ao trânsito devido a inundação, provocada pelo transbordo da ribeira que corre paralela àquela via, apurou o barlavento.online no local.


O corte da via deu-se por volta as 7h30 e ainda se mantém.



Também a estrada entre Cachopo (Tavira) e Martim Longo (Alcoutim) esteve condicionado, devido à queda de uma árvore sobre a via.



O mau tempo que esta madrugada assolou todo o país, deixou também um rasto de estragos no Algarve, embora não haja vítimas a lamentar.



O vento provocou falhas eléctricas em Silves e Loulé.



Ao todo, segundo o CDOS, houve o registo de 28 inundações, 54 árvores caídas, quatro quedas de cabos eléctricos e dois desabamentos, de um muro em Faro e de um telhado em Odelouca.



Nesta localidade do concelho de silves, uma senhora ficou desalojada.



Entre os prejuízos há a registar ainda a queda da árvore de Natal gigante da Alameda, no centro histórico de Portimão, bem como o derrube de inúmeras iluminações de Natal em toda a cidade e na Praia da Rocha,.



Em Portimão, na zona da Cerca do Colégio, junto ao Mercado Municipal, vedações metálicas de zonas em obras voaram e atingiram automóveis estacionados e pelo menos a montra de uma padaria.


 


Fonte: Barlavento Online

Calendário

Dezembro 2009

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search