Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Tempo no Algarve

Estado do Tempo, Previsões, Alertas e Notícias sobre a Região Algarvia. E-mail: temponoalgarve@sapo.pt

Calendário

Dezembro 2008

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search

10
Dez08

520: Ambiente: Portugal é o 15º país com melhor desempenho, entre os 57 mais industrializados

Tempo no Algarve

Portugal está classificado em 15.º lugar num ranking internacional, hoje divulgado, que avalia o desempenho dos 57 países mais industrializados ao nível da protecção do ambiente e do combate às alterações climáticas.


 


 


Segundo o Climate Change Performance Index (CCPI), elaborado anualmente pela Rede Europeia de Acção Climática e pela organização não governamental GermanWatch, nenhum dos países analisados, conjuntamente responsáveis por mais de 90 por cento das emissões de dióxido de carbono associadas à energia, tem uma prestação considerada satisfatória no que diz respeito à protecção ambiental.


 


Os autores deste estudo alegam que nenhum dos estados está a fazer os esforços que seriam necessários para assegurar que, à escala global, o aumento de temperatura seja inferior a dois graus, pelo que os três primeiros lugares do CCPI ficaram este ano por ocupar.


 


Relativamente ao ano passado, Portugal desce da 13.ª para a 15.ª posição, mas o facto de nenhum país estar no pódio faz com que esta alteração possa até ser interpretada como a subida de um lugar, segundo a associação ambientalista Quercus, que integra a Rede Europeia de Acção Climática.


 


De acordo com a Quercus, a boa posição relativa ocupada por Portugal reflecte o facto de o país "ter emissões per capita relativamente baixas e ter um conjunto de medidas consignadas, mesmo que ainda não implementadas, para as reduzir".


 


Apesar disso, o país tem registado um "aumento praticamente sistemático das emissões de dióxido de carbono desde 1990", manifestando "dificuldades no cumprimento do Protocolo de Quioto", segundo os ambientalistas.


 


Este ano, Suécia, Alemanha, França, Índia e Brasil lideram o ranking, elaborado com base na análise da política climática seguida em cada país, da tendência de evolução das emissões ao longo dos últimos anos e no nível actual de emissões, integrando variáveis como o produto interno bruto e as emissões per capita.


 


Espanha surge na 28.ª posição desta tabela, onde a Arábia Saudita, o Canadá e os Estados Unidos figuram nos últimos lugares.


 


Divulgado hoje na Conferência das Nações Unidas sobre Alterações Climáticas, que decorre na Polónia, este estudo visa aumentar a pressão política e social sobre os países mais industrializados do mundo para que estes reduzam as emissões de dióxido de carbono, reforçando as medidas de protecção do ambiente.


 


Fonte: LUSA

10
Dez08

519: Novo empreendimento origina abate "criminoso" de pinheiros

Tempo no Algarve

A Almargem denunciou o abate de centenas de pinheiros numa das maiores manchas verdes do litoral do Sotavento, operação integrada na construção do empreendimento Verdelago.


 



Em comunicado, a associação ambientalista algarvia diz que do "crime" apenas restaram alguns sobreiros na área do Pinhal do Gancho, entre Altura e a Praia Verde (Castro Marim), onde está a ser erguido o complexo Verdelago.


 


Ao abrigo do projecto, já aprovado e que obteve a certificação de Potencial Interesse Nacional (PIN), nascerão um hotel, vários aldeamentos e dois campos de golfe, o que representa mais de duas mil novas camas.


 


A este complexo, situado na faixa litoral de Castro Marim, somam-se pelo menos outros quatro, alguns ainda não aprovados e outros já em funcionamento, que poderão vir a duplicar o número de habitantes da vila sede do concelho.


 


Ao todo, os empreendimentos Verdelago, Almada d'Ouro, Corte Velho, Castro Marim Golfe e Quinta do Vale, representam cerca de dez mil camas e um investimento total de mil milhões de euros.


 


Actualmente com cerca de mil habitantes - no concelho residiam 6.495 pessoas em 2006 -, a vila de Castro Marim pode ver a sua população duplicar nos próximos anos, com a entrada em funcionamento destes cinco complexos turísticos.


 


Para dar resposta às necessidades futuras, foram já aprovadas pela autarquia duas zonas de crescimento urbano, uma das quais a poente da vila, com um total de nove hectares, com 30 mil metros de área bruta de construção para 160 fogos.


 


O projecto Corte Velho, também declarado de Potencial Interesse Nacional (PIN) e chumbado em sede de Avaliação de Impacte Ambiental (AIA) em 2006, representa, com o seu hotel e aldeamentos, mais 2.300 camas para o concelho.


 


Inaugurado este ano e também certificado como PIN, o empreendimento Quinta do Vale, com hotel, campo de golfe e aldeamentos é outros dos projectos que promete "encher" Castro Marim de novos projectos.


 


Em curso no concelho está ainda o complexo Almada d'Ouro, que integra um hotel, aldeamentos e dois campos de golfe, num total de 2.800 novas camas e cuja construção tem sido muito criticada pelos ambientalistas.


 


Fonte: Observatório do Algarve


Calendário

Dezembro 2008

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

anúncio

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Facebook

Relógio

Misterwhat

Comentários recentes

Ofertas de Emprego - Faro

Google

Pesquisa

Custom Search